6 de fevereiro de 2011

What If? - parte II












Anteriores - Parte I

Sacudi a areia da minha calça jeans, borbulhando de ódio. Estava andando há mais de uma hora e nenhum sinal de vida. Que vontade de matar minha imaginação!, para onde a infeliz tinha me levado dessa vez? Bufei, tirando minha blusa de frio. Devia estar uns quarenta graus. Eu estava muito, muito longe mesmo de Nova York.
    - Merda!
   Berrei. Ninguém ia me ouvir mesmo.
  Depois que alguém invisível bateu à porta, uma luz quase me deixou cega e meu primo desapareceu, eu fui misteriosamente teleportada para cá. Uma terra tão deserta quanto o Saara. Nunca vi tanta areia reunida em um lugar só, Senhor! Olhei para meu All Star imundo e minhas calça jeans cheia de pontinhos bege. Suspirei. Era melhor me entregar e morrer de inanição.
   Meus lábios começavam a rachar e minha garganta a arder. Por que não imaginei uma garrafa de água mineral também?
   - Quero minha Nova York de volta... - gemi baixinho - A neve, a touca, o chocolate quente. Assistir à Oprah com meu primo me atormentando...
   Charlie! Quase me esqueci dele.
   Preguei os olhos com fita adesiva invisível e desejei que meu primo também estivesse ali. Se eu estivesse certa e tudo fosse obra da minha imaginação - ou alucinação -, talvez eu conseguisse puxar meu primo comigo. Até porque não custava tentar. Não tinha mais nada a perder mesmo. Pedi mais algumas vezes, respirei fundo e abri os olhos, já preparada para a decepção.
    Eu sei o que estão pensando: meu primo aparece, a gente se abraça e juntos achamos a saída daquele deserto maluco.
    Mas quando eu abri os olhos meu primo não estava lá. No lugar onde desejei que ele aparecesse, havia um garoto de capa preta e máscara, fitando-me com certa curiosidade. Se eu fosse mais fundo na análise, diria que ele era um Zorro de 17 anos.
    Minha imaginação tem um poder incrível.
    Ele estendeu sua mão para mim e sorriu:
    - Se importaria se saíssemos daqui?
    Pisquei, atônita, e o segui. Algo naqueles olhos não me era estranho.

"What if I need you baby?
Would you even try to save me?
Or would you find some lame excuse"
What if - Ashley Tisdale

CONTINUA...

Bem gente, mais uma parte. Essa semana eu devo sumir daqui. Minhas aulas vão começar pra valer e vai ter muita matéria. Então, já vou pedindo desculpas adiantadas e novamente que não me abandonem. Ah, e fico muito feliz que vocês tenham gostado do último post, adorei os comentários. E continuem dizendo o que estão achando. É muito importante para mim. Beijinhos de melancia.

14 comentários:

●๋• тнαi иαรciмєитσ disse...

Minha imaginação é muito fértil também, mas nunca chegou a criar situações como essa, rs.

Tô gostando do rumo dessa prosa. Vai continuar?

Thais Cristina, disse...

Não acredito que vai sumir justamente nessa hora da história, Leeti! kkk'
Cara, está realmente surpreendente :)
Posta mais *-*

- CURIOSIDADE MODE ON -

yasmin sales disse...

texto interessante e diferente. gostei daqui, da maneira como escreve... parabéns. sucesso! beijos

Bruuh Fevers disse...

Quero logo a continuaçãããão!Que pena que vc vai "sumir" do blog logo agora rsrs

http://imodelblog.blogspot.com/

Italo Stauffenberg disse...

ui...

a menina tá ficando bo com as palavras!

sucesso, leeti!

ficou ótimo!

Wanda disse...

que lindo seu texto ! : ]
Parabéns Floor . Não poderia deixar de seguir!

http://distractingpages.blogspot.com/

sucessoos !
: *

Alternativa teen disse...

amei

Autora disse...

nao posso espera pela continução.
Otimo post :)

Anônimo disse...

Nossa, criatividade a sua, Leeti *-* Haha, e a dela também, é q-. Estou adorando, de verdade! Nossa, tá muiiito bom! E, só para deixar claro: um zorro de 17 anos? Interessante, SHAUSAHUSAHUAS, adorei *--*

Beeijos

Nina Auras disse...

Érr, só pra avisar que o comentário acima foi meu, HASUHASUASHSAHU (:

- disse...

Ah, adorei menina! Você escreve mt bem :] Tô te seguindo e vou voltar para ver a continuação. Beijos :*


Me visite tmb : http://railmamedeiros.blogspot.com/

Monique Premazzi disse...

Essa história está ficando cada vez mais interessante e eu não posso evitar querer a continuação urgente! Quero muito saber o que vai dar nisso tudo. E fato que essa menino de mascara é o Charlie e ela não sabe. KKKK

Amando!
Beijinhos :*

Italo Stauffenberg disse...

selo p vc no blog!

cata lá!

abs

. pamela moreno santiago disse...

Ele é meu. tira os olhos.
SAISJIAJSJIAJS